Breaking

quinta-feira, 20 de maio de 2021

Mãe e duas filhas morrem vítimas de covid-19

Muitas famílias no Brasil entraram para as estatísticas da pandemia que há mais de um ano segue fazendo vítimas fatais. 



Mesmo com a chegada da vacina, o retardo no processo de aplicação das doses e ausência de cuidados restritivos continua abrindo espaço para que muitas pessoas sejam infectadas.


Em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, não é diferente. Com o aumento no número de infectados que chega a atingir 100 novos casos em um único dia, aumentam também o número de mortos. 


Este é caso de uma família que precisou se despedir de três parentes em um espaço inferior a quinze dias.


A primeira vítima foi uma mulher de 34 anos. A mesma teria apresentado sintomas de gripe e dores de cabeça. Após ter realizado um teste, foi confirmado que a mesma estava com o coronavírus e ela foi então encaminhada para Caruaru. 


No percurso, a saturação dela baixou e ao chegar a cidade ela já precisou ser entubada, morrendo na noite do mesmo dia. Isso ocorreu no dia 5 de maio, uma quarta-feira.


Após o ocorrido com a vítima, outros familiares foram testados e deram reagente para Covid-19. Duas das pessoas testadas na família foram uma irmã e a mãe da primeira vítima. 


A mãe apresentou também sintomas fortes da doença e chegou a precisar fazer hemodiálise. Infelizmente a senhora também faleceu no dia 12 deste mês, apenas 7 dias após a filha.


Cinco dias após o falecimento da segunda vítima, a outra filha da mesma, também com sintomas já agravados da Covid-19 teve uma piora em seu quadro clínico e também faleceu no dia de ontem, 19 de maio. 


Em apenas 12 dias, mãe e filhas tiveram as vidas retiradas pela doença após momentos de intenso sofrimento com as internações de oscilações de quadros clínicos.


Com informações do Bruno Diniz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário